A BRIGADA, HÁ UM SÉCULO … – Oficial da Brigada Militar é nomeado Delegado de Polícia.

A Federação, no dia 14 de janeiro de 1914, quarta-feira, noticiava:

Chefatura de Policia

O dr. Francisco Th. Flores, chefe de policia, nomeou:

– para exercer, em commissão, o cargo de delegado em S. Borja, o tenente da Brigada Militar, Alzimiro Francisco Wellausen.

– O capitão Annibal Barão, foi dispensado do cargo de delegado de policia de S. Borja.

Fonte: Jornal A Federação, ano XXXI, edição 011, de 14/01/1914, página 3 – *mantida a grafia da época

A BRIGADA, HÁ UM SÉCULO … – Novo uniforme da Brigada Militar.

A Federação, no dia 13 de janeiro de 1917, sexta-feira, noticiava:

Novo fardamento – O commando geral da Brigada Militar determinou que o novo fardamento adoptado para aquella milicia entre a vigorar, para o pessoal aquartelado na capital, no dia 25 do corrente.

As praças, até nova ordem, conservarão a túnica e a calça do actual uniforme 5º para o serviço de faxina, cosinha, officinas, guia de vehiculos, trabalhos de campo, etc.

Os conductores, quando dirigindo vehiculos ou em serviço de campo, usarão chapéo do typo adoptado.
Aos recrutas, serão distribuídas tunica de brim mescla e calça de flanella do novo plano.

*Mantida a grafia da época.

Fonte: Jornal A Federação, Ano XXXIV, edição 012, de 13/01/1917, sexta-feira, página 4

A BRIGADA, HÁ UM SÉCULO … – Pena imposta a Soldado do 3º Batalhão de Infantaria, pelo crime de deserção.

A Federação, no dia 11 de janeiro de 1917, quinta-feira, noticiava:

Pena imposta — O comando geral da Brigada Militar mandou addir ao Grupo do Metralhadoras, para o abono de etapa, e a fim de cumprir a pena do 8 ½ mezes de prisão a que foi condemnado pelo conselho militar a que respondeu, por crime de deserção, o soldado do 3º Batalhão de Infantaria, Fulano de Tal**.

*Mantida a grafia da época.

Fonte: Jornal A Federação, Ano XXXIV, edição 010, de 11/01/1917, quinta-feira, página 3

** Nome omitido

A BRIGADA, HÁ UM SÉCULO … – Inclusão de Praças.

A Federação, no dia 11 de janeiro de 1917, quinta-feira, noticiava:

Inclusão de praças

Passaram a prompto hontem, da instrucção de cavallaria que vinham recebendo, no Deposito de Recrutas, sendo incluidos nas unidades abaixo, os seguintes soldados recrutas: na Escolta Presidencial: Galvão Rodrigues Machado, Bolívar Farrapo Leiria, Secundino Pereira da Costa e Claudionor Salles; no 1º Regimento de Cavallaria, Theodolino Mendonça da Silva, Anastacio Xavier Maciel, Eugênio Ribeiro, João Silveira Martins, Aristides Pedro dos Santos, João José Ribeiro Filho, Cassemiro Alves da Costa e Demetrio Witt.

As praças incluidas no 1º Regimento de Cavallaria ficarão addidas, provisoriamente, ao Grupo de Metralhadoras.

*Mantida a grafia da época.

Fonte: Jornal A Federação, Ano XXXIV, edição 010, de 11/01/1917, quinta-feira, página 2

A BRIGADA, HÁ UM SÉCULO … – Uniforme dos Oficiais.

A Federação, no dia 10 de janeiro de 1917, quarta-feira, noticiava:

Cintos para Officiaes – O comando geral da Brigada Militar determinou, em boletim de hoje, que os officiaes daquela milícia estadual deverão ir á fábrica do sr. Carlos Julio Becker, a fim de tomar medida para os cintos adoptados para officiaes.

Todos os officiaes da Brigada deverão estar de posse dos referidos cintos, até o dia 24 do corrente mez.

*Mantida a grafia da época.

Fonte: Jornal A Federação, Ano XXXIV, edição 009, de 10/01/1917, quarta-feira, página 5

A BRIGADA, HÁ UM SÉCULO … – Ações da Assistência do Material da Brigada Militar

A Federação, no dia 09 de janeiro de 1917, terça-feira, noticiava:

Assistencia do Material da Brigada Militar

O capitão assistente do material da Brigada Militar remetteu ao 2º Regimento de Cavallaria, por intermedio do Banco Pelotense, a quantia de 1:458$720, importancia liquida das despesas urgentes feitas por aquelle Regimento, no mez de novembro do anno findo e vencimentos do tenente-coronel Juvencio Maximiliano Lemos, no mez de dezembro tambem do anno findo.

O capitão assistente do material recebeu do Thesouro do Estado a quantia de 7:717$254 para pagamento das despezas urgentes.

Á Assistencia do Material e ao Deposito de Recrutas, o comando da Brigada mandou descontar nos vencimentos dos segundos sargentos amanuense Orvalino Antonio Ramos e instructor Oscar Alves de Souza, a quantia de 2$700 de cada um, proveniente de 3 dias de etapas arranchadas, que lhes foram fornecidas pelo rancho do Grupo de Metralhadoras, quando incorporados ao 2º Batalhão de Infantaria, por occasião da revista de instrucção, conforme consta do officio do commando do mesmo corpo, n. 321 de 30 do mez findo.

*Mantida a grafia da época.

Fonte: Jornal A Federação, Ano XXXIV, edição 008, de 09/01/1917, terça-feira, página 5

A BRIGADA, HÁ UM SÉCULO … – Classificação de Capitão no 3º Batalhão de Infantaria

A Federação, no dia 09 de janeiro de 1917, terça-feira, noticiava:

Governo do Estado

Acto n. 1, de 9 de janeiro de 1917.

Classifica na 3ª Companhia do 3º Batalhão de Infantaria o Capitão Porfirio Ayres de Vasconcellos.

O Presidente do Estado do Rio Grande do Sul, atendendo á proposta do comando da Brigada Militar, em officio n. 8, de 4 do corrente mez, resolve classificar na 3ª Companhia do 3º Batalhão de Infantaria o capitão Porfirio Ayres de Vasconcellos.

Façam-se as devidas comunicações.

Palacio do Governo, em Porto Alegre, 9 de janeiro de 1917.

A. Borges de Medeiros

Protasio Alves

*Mantida a grafia da época.

Fonte: Jornal A Federação, Ano XXXIV, edição 008, de 09/01/1917, terça-feira, página 3

A BRIGADA, HÁ UM SÉCULO … – Comando do 1º Regimento de Cavalaria

A Federação, no dia 08 de janeiro de 1917, segunda-feira, noticiava:

1º Regimento de Cavallaria – O major Francisco Rath, em officio de 5 do corrente, comunicou ao comando geral da Brigada Militar, ter assumido o comando do 1º Regimento de Cavallaria, na mesma data, em virtude de ter vindo a esta capital, no goso de dispensa do serviço, o respectivo comandante, o tenente-coronel Claudino Nunes Pereira.

*Mantida a grafia da época.

Fonte: Jornal A Federação, Ano XXXIV, edição 007, de 08/01/1917, segunda-feira, página 6

A BRIGADA, HÁ UM SÉCULO … Exame de Recrutas de cavalaria.

A Federação, no dia 05 de janeiro de 1917, sexta-feira, noticiava:

Exame de recrutas – No dia 10 do corrente mez, realizar-se-á, no Deposito de Recrutas da Brigada Militar o exame dos recrutas de cavallaria, que se acham em condições de passar a promptos.

*Mantida a grafia da época.

Fonte: Jornal A Federação, Ano XXXIV, edição 005, de 05/01/1917, sexta-feira, página 4

A BRIGADA, HÁ UM SÉCULO … – Troca de comando do 2º Batalhão de Infantaria.

A Federação, no dia 05 de janeiro de 1917, sexta-feira, noticiava:

Commando do 2º Batalhão da Brigada Militar — Por ter seguido para S. Luiz Gonzaga, em goso de licença, o major Gregorio Portuguez, commandante do 2º Batalhão de Infantaria, assumiu, hontem, o commando dessa unidade o major Amadeu Massot.

Esse official apresentou-se, hontem, no quartel do commando geral da Brigada Militar.

*Mantida a grafia da época.

Fonte: Jornal A Federação, Ano XXXIV, edição 005, de 05/01/1917, sexta-feira, página 4